Febre maculosa brasileira

Morte por Febre Maculosa Brasileira (FMB) na nossa região aumenta alerta sobre a doença. Mas quem tem que se preocupar?

Essa pergunta é fácil de responder: a doença é causada por uma bactéria (Rickettsia rickettsii), transmitida pela picada de carrapatos (estrela ou micuim). E esses carrapatos são parasitas de animais silvestres (capivaras são a maior “fonte” na nossa região). Logo, se você frequenta locais onde existem capivaras, está em risco! Geralmente na vegetação de margens de lagos e rios (inclusive nos grandes centros urbanos).

Após a picada, os sintomas podem aparecer depois de um período de incubação de dois a catorze dias (em média 7 dias).

Definição de caso suspeito:

  • Febre de início súbito, dores musculares e prostração intensa; podendo haver ainda: dor de cabeça; lesões avermelhadas nas mãos e pés; petéquias ou hemorragias; e, história de picada de carrapatos e/ou de contato com animais domésticos e/ou silvestres.

A confirmação diagnóstica é feita através de exames de laboratório, mas a FMB pode ser de difícil diagnóstico, principalmente na fase inicial da doença, mesmo entre médicos bastante experientes, porque tem sintomas parecidos com os da Dengue, Febre Amarela ou Enterovirose.
O tratamento é feito nos casos suspeitos, com início imediato e precoce de antibióticos (é doença bacteriana, oras!).

Dr. Márcio Guedes – Pediatra – CRM 100.480 RQE 49.046

Compartilhar:

Outros Artigos:

O que é a hepatite?

Hepatite é uma inflamação do fígado que pode acontecer por diversas causas e que possui algumas características: Ela acomete ambos os sexos, todas as etnias