6 benefícios de deitar com os pés para cima

Deitar-se com os membros inferiores elevados, a chamada posição de trendelemburg, traz alguns benefícios para a saúde. Abaixo, listo 6 deles:

Melhora a circulação sanguínea e a drenagem dos fluidos corporais

Um dos grandes desafios na circulação sanguínea é superar a força da gravidade. O corpo possui mecanismos, como a musculatura da panturrilha e a respiração torácica, que promovem o retorno do sangue venoso até os pulmões.
Há um esforço ainda maior para esse retorno quando estamos de pé ou sentados com as pernas para baixo. Por isso, deitar com as pernas elevadas melhora a circulação do sangue. Ficar na posição de trendelemburg facilita e melhora a circulação, pois poupa o nosso organismo de se
esforçar contra a gravidade. O mesmo princípio se aplica à drenagem dos fluidos.

Digestão melhor

Quando caminhamos, o nosso corpo precisa otimizar a oxigenação dos músculos. Para isso, há o deslocamento, para os músculos, de parte do sangue da circulação que iria para os intestinos. Ao ficarmos na posição de trendelemburg, nosso corpo consegue relaxar, e o sangue retorna ao seu local de origem.

Relaxamento do sistema nervoso

Este benefício está mais ligado ao momento em que se permanece na posição, muito semelhante a uma meditação. Na posição, há o controle de respiração, a elevação das pernas e a atenção no funcionamento do corpo, o que mimetiza uma meditação e promove relaxamento do sistema nervoso central.

Sono de mais qualidade

A melhora no sono também é consequência do relaxamento do sistema nervoso. Uma vez que  estamos relaxados, conseguimos descansar melhor, resultando em um sono de maior qualidade.

Reduz o inchaço

A posição é uma excelente forma de reduzir o inchaço, especialmente nos pés e nas pernas, sendo uma alternativa interessante para quem convive com o problema. O mesmo vale para quem apresenta queixas de cansaço nas pernas, tendo a posição de trendelemburg como uma alternativa interessante para lidar com a questão.

Melhora nas dores nos pés

Ao longo do dia, enquanto estamos de pé, todo o peso do corpo está sobre as articulações e musculatura dos pés e tornozelos, especialmente para quem utiliza sapatos com salto alto, gerando tensão na região. Por isso, ficar na posição de trendelemburg pode surtir efeito positivo no problema. Erguer as pernas retira todo o peso e consequentemente relaxa essa musculatura. Não há relação com a circulação, mas há um relaxamento que, por consequência, alivia as dores existentes.

É importante buscar orientação médica caso os sintomas permaneçam ou se intensifiquem.

Contraindicações

A prática da posição de trendelemburg não é indicada para todos. Por exemplo, pacientes com algum grau de insuficiência cardíaca não compensada ou controle inadequado de pressão não devem aderir o hábito, podendo gerar problemas de saúde.

ge.globo.com com contribuição do Dr. Andre Cancela – CRM 115.391 RQE 34.483

Compartilhar:

Outros Artigos:

Fevereiro laranja – Leucemias

Como forma de alerta, aderimos também à campanha “Fevereiro Laranja” a fim de destacar a importância que esta data representa: o mês de combate a

Viagens e tromboembolismo venoso

Há muito se sabe sobre a associação de viagens, em especial as com trajeto de maior duração, e incidências aumentadas de fenômenos tromboembolicos venosos (TEV).