× Home Diretoria APM News Eventos e Congressos Classificados Clube de Benefícios Área do Associado Associe-se Publicidade Localização Fale Conosco
Indaiatuba, 15 de Dezembro de 2019
Dúvidas? Entre em contato: (19) 3875-7200
Publicado em 13/12/2019 às 15:00:00
Por: Dr. Gabriel C. Alvarenga - Diretor de Defesa Profissional
Categoria: Notícia em Destaque
O que esperar de 2020?


Como todo fim de ano, renovamos as nossas esperanças e fazemos preces para dias melhores e até pulamos sete ondas! Enquanto médicos, também temos essa expectativa de maior clientela e maiores ganhos, e via de regra, nos planejamos para maior qualificação para alavancar nossos sonhos. A busca por melhor qualificação é parte importante da estratégia para esse propósito, mas não a única.
A educação financeira, assim como uma educação em políticas de saúde, são quesitos que carecem bastante na formação do médico. Deste modo, mesmo que tecnicamente bem qualificado, o profissional permanece distante das discussões que modelam seu ofício e seu ganho.
Não basta fazer votos e ter esperança de melhorias no ano seguinte. É preciso clareza e consciência sobre o ambiente em que estamos inseridos, proatividade e engajamento, sem esquecermos claro, que sem conjunto não há força. Ser bom pescador não se resume a saber pescar. É necessário ter um roteiro, saber interpretar as condições geográficas locais, meteorológicas e as correntes marítimas para ter êxito e até mesmo eventualmente não sucumbir às fúrias climáticas enquanto pesca e poder voltar e vender seu pescado ou saborear seu peixe.
Em artigos anteriores, abordamos enfaticamente os desafios que a classe médica enfrenta e terá de encarar de uma forma ou outra. Esses desafios vêm com intensidade e profundidade jamais experimentadas e representam uma expressiva mudança de paradigmas. Precisaremos reformar nosso Código de Ética Médica com maior frequência. Acarretará drásticas mudanças em termos do modo como somos percebidos, como atuamos e como somos remunerados. Dito tudo isso, enquanto médicos, o que podemos esperar de 2020?